compartilhe

0

0

Colunistas

Quem tem problema nos joelhos pode correr?

Antes de se arriscar em qualquer atividade física que possa prejudicar suas articulações e agravar um problema nos joelhos, é fundamental ter um aval médico

Camila HirschPor
Camila Hirsch

Veja que cuidados tomar se você possui problemas no joelho

É comum ouvir muita gente dizendo que não tenta começar a correr ou caminhar pois sofre de algum problema nos joelhos. Porém, se você tomar os devidos cuidados, a dor nas articulações não é impeditivo para a atividade física – e pode até diminuir com a prática regular de exercícios.

Em primeiro lugar, é importante você ter o aval do médico para poder treinar. Isso porque, até mesmo ao caminhar, o joelho sofre com o impacto (menos do que ao correr, claro).

Ao receber a liberação médica, o ideal é começar caminhando três vezes por semana, de 30 a 50 minutos, sempre em dias alternados e em um terreno plano. Aí, após duas ou três semanas, procure incrementar seu treino. Em vez de fazer de 30 a 50 minutos, passe a andar durante 40 a 60 minutos. Outras opções são ir para um percurso misto (com subidas e descidas) ou acelerar o passo.

Depois de um, dois meses evoluindo assim, dá até para aumentar o número de treinos semanais ous começar a correr. Isso vai depender da sua disponibilidade e, claro, da sua vontade.

Ah, e caso o médico diga que você está proibida de caminhar ou correr, não precisa levar uma vida sedentária. Há inúmeras opções de exercícios que geram pouco impacto nos joelhos, como os praticados na piscina. Você pode tentar natação, hidroginástica e até bike dentro da água.