compartilhe

0

0

Colunistas

Sobrepeso X risco de lesão

Veja o que fazer para não ter problemas ao iniciar na corrida

Fellipe Savioli*Por
Fellipe Savioli*

Sobrepeso x risco de lesão

A obesidade é um problema sério em vários países do mundo. Entre os principais fatores responsáveis por essa “epidemia” estão dietas inadequadas, sedentarismo, estresse e algumas facilidades desenvolvidas pelo homem moderno (elevadores, escadas rolantes, automóveis etc.) que nos fazem poupar energia. Nossa genética é a mesma de nossos primeiros ancestrais, que sobreviviam fugindo de predadores, caçando e comendo pequenos insetos e vegetais. Tínhamos, portanto, uma alimentação menos calórica e um gasto calórico maior.

Por tudo isso, fica claro que o ideal para perder peso é seguir um cardápio balanceado e fazer atividades físicas regularmente. Você já sabe disso, certo? Porém, dependendo do grau de obesidade da pessoa, alguns tipos de exercícios podem ser muito traumáticos e trazer grandes riscos de lesão. A corrida, por exemplo, se não for bem orientada, sobrecarrega as articulações do quadril, dos joelhos e dos tornozelos de quem está com sobrepeso.

MAIS
Os benefícios da corrida em curto, médio e longo prazo
Prepare-se para correr seus primeiros 5 km

Como poupar o corpo?

Para quem está muito acima do peso, a melhor alternativa para evitar lesões é um início gradativo no esporte. Procure caminhar de três a quatro vezes por semana, sempre em dias alternados, durante um mês a um mês e meio. Depois disso, você pode começar a correr em um ritmo bem leve. Desse modo, as estruturas das articulações conseguem se adaptar e suportar a sobrecarga do exercício. Para se ter ideia da diferença, ao correr, o impacto no joelho chega a ser três vezes maior do que ao andar. Caso você sinta dores durante a caminhada, pode optar por exercícios com menos impacto, como natação e hidroginástica.

Consumo calórico

Caminhar em vez de correr não significa que seu gasto energético na atividade física será menor. A fórmula para calcular o consumo calórico em uma distância é o peso do corpo multiplicado pela distância do treino. Ou seja, se você andar ou trotar por 5 km, vai queimar praticamente o mesmo número de calorias. Vale destacar que essa fórmula não funciona em velocidades acima de 8 km/h. Aí, a eficiência da movimentação muda e há um gasto calórico maior. Porém, dificilmente um iniciante com sobrepeso vai conseguir correr por muito tempo nesse ritmo.

MAIS
3 treinos para turbinar a corrida na esteira
5 alimentos que ajudam a perder peso

E os treinos intensos?

Você já deve ter visto pesquisas que mostram que o exercício intervalado de alta intensidade, ou HIIT (High Intensity Interval Training), é um excelente método para a perda de peso. É verdade. Porém, esse tipo de atividade não é o mais indicado para um iniciante. O HIIT exige grande esforço e gera uma alta sobrecarga. Consequentemente, aumenta o risco de lesão. Quem está com sobrepeso deve deixar o HIIT mais para a frente, como um dos últimos métodos a ser adotado, quando o corpo já estiver bem adaptado ao exercício.

*Dr. Fellipe Savioli é ortopedista, especialista em medicina esportiva, fellow (membro) da Steadman-Hawkins Clinic, no Colorado (EUA) e triatleta.

**Originalmente publicada em  4 de julho de 2016