compartilhe

0

Colunistas

Você sabe o que realmente te motiva?

Entenda as diferenças entre motivação e objetivos

Fábio CintraPor
Fábio Cintra

Corredor comemora na SP City Marathon 2018

No esporte, talvez bem mais do que em outras áreas, ouvimos a palavra motivação o tempo todo, seja em entrevistas de atletas, programas de televisão, revistas, livros, palestras, postagens em redes sociais, entre outros meios. E, já nos é bem claro que a motivação é uma das chaves para o sucesso na busca e realização de nossos objetivos. Mas será que sabemos o que realmente nos motiva?

Motivação deriva da palavra em latim movere (mover). Na psicologia e em outras ciências humanas, ela refere-se à condição do organismo que influencia a direção do comportamento. Em outras palavras, é o impulso interno que leva o ser humano à ação.

O que acontece com muita frequência é que confundimos nossas metas e objetivos com os fatores que realmente nos motivam. Por exemplo: a Maratona do Rio de Janeiro não é uma motivação para os nossos treinos. Na verdade, essas competições-alvo são os nossos objetivos. É muito pouco provável que os mais de 30 mil participantes desta competição tenham exatamente o mesmo fator motivacional durante sua preparação. Nesse processo, sofremos a influência de fatores biológicos, sociais, psicológicos e de experiências anteriores. Ou seja, a motivação se torna algo pessoal, individual e EXCLUSIVO.

A motivação está ligada à emoções e sentimentos. O que faz um atleta olímpico deixar a preguiça de lados todos os dias para treinar por horas e horas até a exaustão não é alcançar a medalha de ouro, pois a premiação é o objetivo. O que lhe dá força todos os dias são os sentimentos que estão envolvidos nessa conquista: a felicidade de conseguir o que se tanto sonha; a sensação de superação; o sentimento de realização por fazer parte da história de um país; o orgulho e a alegria proporcionados às pessoas que tanto lhe apoiaram e que estarão na arquibancada o assistindo. É o desejo de poder sentir tudo isso e muito mais que lhe dão motivação.

Por isso, é de extrema importância refletir e entender o que realmente nos motiva. Pois, dessa forma tornamos mais prazeroso e menos penoso o caminho até nossos objetivos.

“A nossa inspiração vem de fatos e pessoas, diferente da nossa motivação, por isso não perca seu tempo buscando motivação em algo e sim dentro de você”.
(Nilson Matos F. Junior)

 

* Fábio Cinta Mora é treinador da Lobo Assessoria. Seu Instagram é @fabio.cmora