compartilhe

0

Nutrição

Os efeitos da Taurina e do BCAA para os corredores

Suplementos alimentares podem ajudar no ganho de performance e na recuperação pós-treino

Lucas ImbimboPor
Lucas Imbimbo

aminoácidos

Em parceria com a nutricionista da Vitafor, Carolina Novaes, nós separamos dois suplementos, compostos de aminoácidos, que podem ajudar você a garantir mais energia durante as passadas.

O que são aminoácidos?

Os aminoácidos têm função muito importantes . Eles são moléculas responsáveis pela formação de proteínas – composto essencial para a produção de energia em nosso organismo. Existem dois tipos de aminoácidos: os essenciais – fabricados pelo nosso corpo -, e os não essenciais, que devem ser ingeridos por meio da alimentação.

BCAA: os aminoácidos de cadeia ramificada

Mais conhecidos como BCAA’s, estes aminoácidos formam proteínas, importantes para o crescimento e desenvolvimento muscular. Eles são compostos por três aminoácidos essenciais: leucina, valina e isoleucina.

“Eles servem como um estimulante que ajuda na produção de insulina, hormônio que promove a entrada de glicose/aminoácidos nas células e que contribui com a redução dos danos musculares, da fadiga e acelera a síntese de proteínas”, explica Carolina.

Além disso, o suplemento ajuda no fornecimento de energia na hora da corrida. “Os BCAA’s não sofrem metabolização hepática, facilitando a oxidação diretamente no músculo. Isso é importante para evitar a fadiga muscular –  ajudando o atleta na recuperação pós-treino”.

MAIS
A hora certa de tomar suplementos
Nutrição para a Meia-maratona: o combustível certo para os treinos

L-taurina

Este suplemento é composto de um aminoácido não essencial de mesmo nome: a Taurina. O composto é muito abundante em nosso organismo, sendo encontrado em diversos órgãos e sistemas, como o sistema nervoso central, o coração, os ossos, os músculos etc.

A taurina tem função antioxidante e combate a produção de radicais livres, o que previne o envelhecimento e doenças como o câncer. Além disso, o aminoácido ajuda a desintoxicar o organismo, facilitando a excreção de substâncias que não são essenciais para nosso corpo.

Na dose correta, a taurina atua na saúde cardiovascular e aumenta o fluxo de oxigenação do tecido cardíaco. Isso, consequentemente, fornece ao corredor mais energia durante as passadas. Assim como o BCAA, a taurina também conta com forte ação anti-inflamatória, contribuindo como antioxidante durante a recuperação.

Um estudo de 2012, realizado pelos pesquisadores da Universidade de Stirling, no Reino Unido, mostrou que a ingestão de Taurina melhora a performance de corredores de média distância. Na pesquisa, foram medidos os dados da performance dos atletas com e sem a taurina durante uma corrida de 3 km. Resultado: o aminoácido melhorou o desempenho dos corredores em 1.7%. O motivo do aumento se deve à aceleração do metabolismo causado pelo suplemento.

Quando tomar?

A quantidade ideal varia de acordo com cada atleta. Carolina sugere adquirir os suplementos em cápsulas de 500 mg, e tomar até três vezes ao dia. O recomendado é procurar um nutricionista para poder avaliar as necessidades do organismo e obter a dosagem correta.