compartilhe

0

Nutrição

Dicas de alimentação para garantir um longão de qualidade

Saiba como se alimentar corretamente para o mais exigente dos treinos

Daniel VelosoPor
Daniel Veloso

A corrida longa, com bastante volume e que percorre grandes distâncias, traz muitos benefícios para o atleta. Dentre eles, estão a melhora cardiorrespiratória e o aumento da resistência muscular. Mais conhecido como “longão”, esse treino exige muito, tanto fisicamente quanto mentalmente.

Cosan Athenas 18K Run Stronger
Rio de Janeiro | 16.07
6k | 12k | 18k

Além de muitos outros detalhes, estar bem alimentado para esse desafio é crucial para um bom resultado. Mas você sabe como a nutrição deve mudar para essa etapa do treinamento? O Sua Corrida conversou com a nutricionista paulista Mirtes Stancanelli, que deu diversas dicas de como evitar que o estômago atrapalhe o seu longão.

Escolha alimentos vasodilatadores

A principal dica para melhorar a performance nesse tipo de treino é priorizar alimentos vasodilatadores. Eles melhoram a circulação sanguínea e estimulam a chegada de nutrientes até os músculos, favorecendo a recuperação e o ganho muscular.

Dessa maneira, o corredor pode aguentar o esforço por mais tempo antes de chegar à fadiga muscular. É importante dar atenção para alimentos com essa propriedade, mas não esquecer de que a alimentação deve ser rica em nutrientes e contínua durante o percurso.

Sugestões

Além de explicar a importância dos vasodilatadores, Dr. Mirtes sugeriu algumas misturas interessantes para tomar antes do longão.

A primeira receita é simples: misture leite vegano, beterraba (um grande vasodilatador), paçoca e um pouco de rapadura. Essa mistura deve ser ingerida 40 minutos antes do treino.

Outra opção são os sucos verdes. Segundo a nutricionista, eles contribuem com a melhora na circulação e potencializam as ações do fígado, que metaboliza todo o desgaste da corrida. Esse tipo de suco, feito com folhas e legumes verdes, possui clorofila e ajuda na desintoxicação do corpo. Espinafre, salsão e couve são alguns exemplos de ingredientes para essa receita.

Um dos principais alimentos citados pela especialista foi o abacate, que provê lipídeos que serão queimados durante o longão. Uma mistura de coco, aveia e abacate oferece carboidratos e gorduras que serão essenciais, além de muito sabor.

Durante o treino

É importante ficar atento à alimentação durante o percurso. O ideal, segundo Dr. Mirtes, é que o corredor coma algo a cada 10 km rodados como uma forma de “upgrade cerebral”. Para isso, ela sugeriu comer frutas desidratadas ou dar uma mordida em uma pimenta vermelha, a picância desse alimento oferece um ótimo estímulo neural.

Agora que você já sabe o que comer antes do longão, está mais pronto para aumentar os treinos e correr a COSAN SP CITY MARATHON 2019. As inscrições já estão abertas para a corrida de 28/07!