compartilhe

0

Nutrição

Comer gordura pode ser bom para a saúde

Veja os seus benefícios e a maneira mais saudável de incluí-la em seu cardápio

RedaçãoPor
Redação

gordura do bem

Dizem por aí que gordura faz mal à saúde. Mas, na realidade, não é bem assim. Existem mesmo gorduras que atrapalham o bom funcionamento do organismo, pois aumentam o nível de colesterol ruim no sangue e, por tabela, os riscos de problemas cardíacos – são as saturadas, que geralmente estão nos alimentos de origem animal, como carnes e leites. Porém, acredite, tem gordura que faz um tremendo bem ao corpo: as mono e poli-insaturadas são fonte de energia e essenciais para a absorção de algumas vitaminas. Elas não prejudicam as artérias e ainda ajudam a tirar de circulação o colesterol ruim.

E onde estão essas gordurinhas do bem? As monoinsaturadas encontram-se no óleo de canola, no azeite de oliva e nas frutas oleaginosas, como caju, amendoim, amêndoa, castanha e avelã. Já as poli-insaturadas você encontra nos óleos de soja, milho e girassol (ricos em ômega-6) e nos peixes de água fria (como salmão, sardinha, truta e no bacalhau, fontes de ômega 3. Mesmo consideradas benéficas, não dá para exagerar no consumo – o lema, quando se trata de alimentação, é manter o equilíbrio – sempre!

A diferença entre as gorduras

Saturada – derivada de produtos de origem animal. É encontrada principalmente em carnes vermelhas e também brancas, pele de aves, creme de leite, manteiga, iogurte, azeite de dendê e bacon, por exemplo. Ela é considerada uma gordura prejudicial para o organismo, principalmente pelo fato de aumentar o colesterol ruim (LDL), podendo causar problemas cardiovasculares.

MAIS
17 nutrientes essenciais para quem corre
Treino para fortalecer o abdome e detonar gordura

Insaturada – são as gorduras boas. As insaturadas têm origem principalmente vegetal, mas estão em alguns peixes também. Estão presentes em azeite de oliva, óleo de milho e canola, castanha-do-Pará, amêndoa, salmão, sementes de linhaça, abacate e outros alimentos. Elas diminuem as taxas de colesterol ruim (LDL). Porém, consumidas em excesso, podem causar doenças coronarianas.

  • Poli-insaturada: é rica em ácidos graxos essenciais, o Ômega-3 e o Ômega-6, substâncias que não são produzidas pelo organismo. Portanto, deve ser obtida pela alimentação. Também auxilia na redução e controle dos níveis de colesterol no sangue. O único ponto negativo é que esse tipo de gordura reduz tanto o colesterol ruim (LDL) quanto o bom (HDL). A gordura poli-insaturada pode ser encontrada nos seguintes alimentos: óleo de soja, girassol, canola, milho; em peixes como o atum, sardinha e em frutos do mar; nozes; sementes de abóbora, entre outros.
  • Monoinsaturada: é mais eficiente para combater o colesterol do que a poli-insaturada, pois reduz apenas os níveis de colesterol ruim (LDL) no sangue – e ainda estimula o aumento dos níveis do bom colesterol (HDL). Assim, diminui o risco de doenças cardiovasculares. Alimentos que são boa fonte de gordura monoinsaturada: azeite de oliva, abacate, amendoim, nozes e óleo de canola.
*Originalmente publicada em 10 de junho de 2016