compartilhe

0

0

Treino

Prepare-se para correr melhor no frio

Com baixas temperaturas, os cuidados durante o treino devem ser redobrados

RedaçãoPor
Redação

correr melhor no frio

O frio é um grande aliado da performance na corrida. Estudos mostram que praticar o esporte com temperaturas entre 10 ºC e 15 ºC facilita a eliminação do calor produzido pelo corpo durante o exercício, o que favorece o desempenho. No entanto, se você não tomar alguns cuidados ao sair para correr no frio, ele pode se tornar seu inimigo e trazer prejuízos sérios, como lesões e hipotermia (quando a temperatura do organismo fica abaixo do normal, podendo levar até a morte). A seguir, separamos algumas dicas para você encarar baixas temperaturas.

1. Vestuário

A roupa ideal varia muito de atleta para atleta, mas você pode precisar de luvas; gorro; camiseta de manga longa ou manguitos; meias de compressão ou legging; e blusa. Lembre-se: quando começar a correr, seu corpo esquentará e talvez você precise tirar algumas dessas peças. Caso não tenha um ponto de apoio no seu local de treino, use roupas que são fáceis de carregar após serem retiradas.

2. Aquecimento

É um dos pontos mais importantes para quem vai correr com baixa temperatura. Logo no início da atividade física, seus músculos e articulações ainda estão frios e não estão prontos para o esforço. Se eles forem exigidos demais, você pode se lesionar. Segundo Diego Lopez, diretor técnico da assessoria esportiva Trilopez, uma boa maneira de esquentar o corpo é realizar exercícios de movimentação articular com pernas, braços, pés e quadril. “Eles ajudam a aumentar o fluxo sanguíneo e a frequência cardíaca, preparando o organismo para a corrida”, explica. Além disso, também é importante que os primeiros 10 min a 20 min de atividade física sejam em ritmo bem leve (se seu objetivo na prova é fazer tempo, trote antes da largada).

MAIS
5 dicas para controlar o apetite durante o frio
Sopa de batata-doce e gengibre para espantar o frio

3. Hidratação

Durante um treino ou prova realizada no frio, muitos atletas transpiram menos e acham que, por isso, não precisam beber água. Está aí um grande erro. Mesmo que não fique suado, você está perdendo líquidos. Portanto, procure se  hidratar a cada 20 min de exercício. Dica: nunca espere sentir sede para tomar água, pois a sensação já é um sinal de que o organismo está desidratado.

4. Doenças

Durante os dias frios, ficamos mais propensos a sofrer com gripes, resfriados ou complicações respiratórias. Isso pode afetar toda a rotina de treinos. “Para reduzir o risco de problemas, evite usar roupas molhadas ou ficar desagasalhado após correr”, orienta Diego Lopez. Leve sempre uma toalha, uma camiseta seca e uma blusa para se trocar depois da atividade física.

*Originalmente publicada em 12 de julho de 2016