compartilhe

0

0

Treino

Evolua com treinos em pista de atletismo

Veja os benefícios de incluir as pistas em sua rotina de treino

RedaçãoPor
Redação

pista de atletismo

Novos desafios e mais velocidade são o que move corredores de todos os níveis, sobretudo os mais experientes, com provas de várias distâncias no currículo. Uma boa maneira de melhorar a técnica, adquirir ritmo e renovar a motivação é apostar nos treinos em pista de atletismo.

Para Diogo Gamboa, diretor técnico da Gamboa Sports e atleta de marcha atlética, as voltas de 400 m (distância padrão regulamentada pela Associação Internacional das Federações de Atletismo – IAAF) podem ser de grande ajuda para os corredores que buscam melhorar o desempenho nas provas de rua. “Por ser um local com a distância aferida oficialmente por órgão internacionais, é possível ter uma precisão maior em relação à distância que vai percorrer”, comenta.

Sessões em pista de atletismo podem ser adicionadas à rotina do corredor de acordo com o programa desenvolvido por cada treinador, respeitando objetivos e período de treino. Porém, normalmente entram nos dias de intervalados de intensidade, fartlek ou situações específicas, como de avaliação.

Diogo Gamboa listou quatro motivos para você incluir atividades em pista na rotina.

1. Técnica apurada

“O piso totalmente plano e, no caso das pistas sintéticas, sem buracos, favorece a qualidade técnica da corrida”, diz. É por isso que vários treinadores apostam em exercícios educativos nesses locais. Diogo lembra que, para o educador físico, trabalhar com um grupo em pista facilita o monitoramento individual dos atletas, principalmente na hora de apurar a técnica das passadas, algo que exige bastante atenção.

MAIS
Os melhores treinos para ganhar velocidade
Tiros para ganhar velocidade

2. Ritmo controlado

“Cada vez mais corredores usam aparelhos com GPS para treinar. Mas a dependência excessiva desse tipo de tecnologia pode impedir o atleta de desenvolver sensibilidade ao ritmo”, afirma Diogo. (Se um dia o equipamento quebrar, por exemplo, ele pode ficar perdido na hora de controlar o pace.) Como cada volta terá sempre 400 m, um simples cronômetro basta para acertar a cadência das passadas no ambiente da pista.

3. Tranquilidade total

Como a pista de atletismo costuma ser um local fechado, você não precisa se preocupar com carros, pedestres e demais fatores que precisa enfrentar quando corre na rua. “Isso ajuda a focar inteiramente no trabalho que está sendo realizado, o que é fundamental para realizar um treino consistente.”

4. Velocidade máxima

Eis o local ideal para quem quer desenvolver velocidade para aplicar nas corridas de rua. Por ser um espaço livre – apesar de geralmente compartilhado com outros atletas –, plano e com distância determinada, a pista é indicada para treinos intervalados de intensidade.

Atenção, corredores na pista

É preciso lembrar que você está em uma pista utilizada para treinos e competições e, portanto, deve respeitar outros usuários dividindo o espaço com você. “Primeiro, evite caminhar ou parar nas raias internas (1, 2 e 3), destinadas aos treinos de intensidade”, avisa Diogo. O aquecimento, ele destaca, deve ser realizado sempre nas raias externas (7 e 8), e ultrapassagens, apenas pelo lado de fora, respeitando quem estiver mais lento. Assim, evita-se acidentes. “Sempre que for parar para realizar um intervalo, observe se não vem alguém logo atrás”, sugere o treinador. “Calce sempre tênis específicos para corrida e procure deixar objetos, bolsas, roupas e garrafas sempre fora do local de prática”, completa.

*Originalmente publicada em 19 de fevereiro de 2016