compartilhe

0

0

Treino

Trabalhe a mente para evoluir na corrida

Melhore seu desempenho com táticas usadas por atletas olímpicos para superar barreiras psicológicas

Bruno Zanuto*Por
Bruno Zanuto*

Preparação mental

Você já parou para pensar como um jogador de vôlei é capaz de executar com perfeição um saque decisivo diante da pressão de um ginásio? Ou por que um atleta da NBA, com praticamente os mesmos recursos de outros jogadores da liga, consegue se destacar e acertar seguidamente arremesso após arremesso? E o que mantém um tenista tranquilo e confiante mesmo nos momentos mais difíceis? Pois saiba que é exatamente o mesmo que faz um corredor encontrar força, resistência e determinação para se superar quilômetro após quilômetro: a preparação mental.

Hoje, o condicionamento mental faz parte dos melhores programas de treinamento do mundo. Muitos atletas profissionais (de todos os esportes, níveis e idades) têm acesso a esse tipo de informação e a usam para tirar real vantagem em competições. O que tudo isso tem a ver com você? Por mais que não briguem por vitórias, corredores amadores também estão constantemente competindo, seja para superar seu limites nos treinos e provas, seja para se manter firme na atividade física.

Em qualquer situação, a preparação mental pode ser a chave para otimizar sua performance. Associada aos treinos de corrida, ela vai disponibilizar ferramentas que vão melhorar sua concentração e seu foco. Contribuirá para eliminar distrações, aumentar a confiança, melhorar sua atitude, resistência , consistência, agilidade e até velocidade. Vai favorecer o aumento de sua conexão corporal e facilitará o encontro do seu ritmo e equilíbrio. O impacto será direto no esporte e em diversas as áreas da sua vida.

Mais
Defina o melhor horário para correr pelos benefícios do treino
Hidratação na medida certa

 

3 ESTRATÉGIAS MENTAIS USADAS POR ATLETAS OLÍMPICOS

Preparação mental

1 – Pense no seu sucesso A visualização é um dos métodos mais utilizados de condicionamento mental. A ciência já provou que os mesmo neurônios acionados durante a realização de uma ação (quebrar o recorde pessoal em uma prova, por exemplo), são disparados no momento em que você imagina esse ato. Muitos especialistas acreditam que visualizar repetidamente uma cena de excelente performance é capaz de pré-programar (ou treinar) sua mente para o sucesso. Para se sair bem em uma prova, procure ir além e não visualizar apenas a performance perfeita. Imagine-se também superando obstáculos que podem aparecer na corrida, como sol forte, chuva, cãibra uma ladeira dura ou o cansaço extremo. Assim, seu cérebro estará pronto para vencer esses desafios quando eles aparecerem.

2 – Crie um ritual de conexão Antes de começar a correr, separe de dois a três minutos para respirar fundo, se concentrar e se conectar com seu corpo. Procure eliminar pensamentos negativos e problemas externos que estão na sua cabeça. Esse é o momento de afastar qualquer coisa que possa interferir negativamente no seu desempenho.

3 – Mantenha a concentração É comum o nosso pensamento vagar durante a corrida. E quando um atleta não está conectado com o momento presente, sua atenção tende a cair. Com isso, o risco do seu desempenho diminuir é grande. Você pode descuidar da postura, por exemplo, e gastar uma energia desnecessária durante o treino. Portanto, procure se concentrar no que está fazendo. Prestar atenção na sua respiração, no seu ritmo e nas suas passadas ajuda você a se manter conectado com o que está acontecendo.

*Bruno Zanuto é jogador de vôlei profissional e já defendeu a seleção brasileira em diversas competições. Especialista em mindset e alta performance, o atleta é fundador e coach do TMRun (Treino Mental Para Corredores), programa que ajuda as pessoas a aprenderem como usar melhor o poder da mente para aumentar o desempenho esportivo e o desenvolvimento pessoal.

Artigo publicado originalmente em 4 de agosto de 2016